• Luciana Platcheck

2020 Events

Nossa trilha até aqui Brasil-Canadá 2020.


Chegamos em Toronto dia 17 de Março 2020 - Eu (Luciana), meu marido (Alexandre) e meu filho de 3 anos (Ian). Viemos com intuito de aprender, conhecer (Ou reconhecer pois estive aqui em 2002), passear, estudar e decolar com a MISSÃO CANADÁ desenvolvendo novos projetos para a empresa.

Programamos nossa viagem já a algum tempo e nos entregamos de corpo e alma para essa oportunidade.


Trazer meu marido e meu filho de 3 anos para vivenciar as experiencias que eu ja vivenciei em 2002 e nunca esqueci era um sonho. Queria voltar, precisava voltar!

Um detalhe que esquecemos em nosso planejamento: E se por acaso surgisse, por hipótese, um incidente global que nos impedisse de realizar esse sonho, mas que fosse tão grande mas tão grande que não somente nós, mas que o mundo não pudesse, em algum momento realizar o seu sonho ou seu planejamento ou ainda que não pudesse dar continuidade na vida real? Na verdade essa hipótese nem existia. Seria algo surreal.


16 de março, aeroporto de Guarulhos estávamos esperando a Air Canada abrir seu portão de embarque (Ja tínhamos feito o check in internacional) quando recebemos um bombardeio de Whatsapp com mensagens da família e dos amigos: "Primeiro ministro canadense acabou de fazer um pronunciamento e fechou as fronteiras do Canadá ..... e agora?"

Era exatamente o que pensamos, E AGORA? Alexandre e eu paramos por alguns instantes e num silencio rápido (pra mim pareciam horas), nos olhamos: E AGORA? Seguimos pra frente (Canadá) ou voltamos pra casa (Porto Alegre) - foi quando olhamos para nosso pequeno Ian e decidimos continuar nosso planejamento, nosso objetivo. Obviamente algumas coisas seria modificadas no meio do caminho, mas resolvemos arriscar.


Seguimos a diante. Esperamos o tempo certo e quando abriu balcão da Air Canada só tivemos que nos certificar que ainda entraríamos no país. Viajar 9hs com Ian e ter que retornar no dia seguinte não seria uma opção pra nós. Cia Aérea confirmou que seria ainda um voo autorizado a levar estrangeiros sem permanência de residencia ou trabalho mas possivelmente seria o ultimo voo. Quando embarcamos a tensão pairava no ar pois ninguém sabia o que aconteceria dali pra frente. Eramos aproximadamente 400 passageiros, voo lotado, até primeira classe. Depois do discurso do Primeiro Ministro canadense fechando a fronteira, quem teria que voltar pro Canada não tinha muito tempo a pensar, era pra voltar correndo!

Uma tensão dentro do Vôo por conta do Covid19 - Ninguém sabia muito como agir, o que tocar, de que forma se portar ou se comportar e como segurar as crianças? Então essa tensão aumentou quando uma menina de aproximadamente uns 9 anos começou a passar mal no meio da madrugada. Então, o que está acontecendo? Ela estava nervosa e estava com os pais. Foi prontamente atendida pela tripulação e por um médico que estava a bordo e por uma enfermeira que também estava. Passou o susto e o sufoco, a menina tomou medicação e ficou bem! Segue tensão no ar por conta do Covid19.

5hs da manha do dia 17 de Março e chegamos no aeroporto internacional de Toronto. Seguimos o fluxo indicado pelas autoridades: distanciamento, álcool-gel na mão, tensão, medo, movimentos rápidos e tudo certo: Entramos no país com a seguinte orientação: "Voces sabem que tem que ficar em auto-isolamento por 14 dias após chegada de viagem?" Sim, sabíamos e estamos sujeitos a toda a orientação indicada, a final de contas no minuto que concordamos em seguir adiante para o Canadá, estávamos dispostos a arriscar e a respeitar a lei, obviamente.


Aqui estamos, Toronto. Continuamos a respeitar as leis, saímos o minimo necessário, passamos pelos 14 dias de tensão de quarentena pois estávamos sujeitos a ter o Covid19 e ainda mais poderíamos ser transmissores, mesmo sem saber, após chegada de viagem. Tudo certo! estamos bem, estamos ótimos e focados no projeto inicial.


Limitações: Não podemos sair com frequência (Apenas farmácia, supermercado, banco-se preciso e com agendamento prévio e hospital - se necessario). Não podemos passear e conhecer mais a cidade e nem todos os benefícios que TORONTO tem - Mas também teriamos que seguir o isolamento social em nossa casa. Nosso filho Ian não esta indo na creche como planejado porque os daycares estão fechados (Mas todas as creches em outras partes do mundo também estão) então estamos nos virando para ficar com o filhote e se dividir com os trabalhos. Alexandre está trabalhando on-line com seus clientes de seguro (Isso sim estava planejado! Mas o mundo também está trabalhando assim hoje). Ele somente não esta tendo aulas de Inglês presencial como planejado por que a escola esta fechada, mas esta fazendo estudos on-line (Mas o mundo também está estudando assim hoje). Eu não estou tendo minhas reuniões de desenvolvimento de empresa e projetos presencialmente, como planejado, mas tendo aulas e reuniões e organizando as coisas forma on-line (Mas o mundo também está trabalhando assim hoje). Alguma coisa diferente dos nossos sonhos e planejamento? Na verdade não, apenas adaptando a realidade como vemos que o MUNDO TODO ESTA FAZENDO TAMBÉM.

Só estamos num lugar diferente e quando olhamos todos os dias pela janela só temos a certeza de ter feito a coisa certa, de ter seguido essa experiencia para que possamos vivencia-la de um jeito ou de outro.


Tenho uma amiga querida que, quando dividia com ela alguma coisa da minha gravidez ou do crescimento do meu pequeno Ian (Aquela coisa de mão de primeira viagem em entrar em desespero por algumas questões pontuais com o bebê), ela me dizia: LU, isso Passa!


Esperamos que tudo passe, e que passe logo! Que passe no mundo! Que passe para todos!

Que possamos aproveitar nossos sonhos, seguir nossos planejamentos, que possamos enxergar nosso futuro com olhos de oportunidade e FUTURO.

Queremos poder aproveitar ainda o tempo que temos aqui conhecendo mais a cidade, conhecendo mais as pessoas, contribuindo para a vida andar, Que nosso filho possa brincar novamente com crianças, nas praças, que o Alexandre possa dar as caminhadas dele e conhecer mais a cidade trazendo pra família e amigos fotos e historias maravilhosas e que meu projeto possa Decolar com a Missão Canadá e que possamos trazer pra todos as experiencias.


Não estou acostumada a escrever em blog (Acho até que é minha primeira vez), mas espero que possa ter trazido um pouco mais da nossa experiencia e trazer um pouco mais também dessa oportunidade que estamos vivendo com a minha família, e em especial do que viemos e o que queremos trazer: Conforto por que estamos TODOS NO MESMO BARCO!


Vou me empolgar mais e escrever mais além um pouco da Missão Canadá e as novidades que estamos desenvolvendo com oportunidade para todos! Vamos Decolar!


Grande abraço

Luciana Platcheck

CEO Missão Canadá - Toronto, Canadá


Foto da nossa Janela.

0 visualização

© 2020 by CONEXTRADE.CO. Contact by E-mail: conextrade.co@gmail.com